22 de fevereiro de 2010

ATROCIDADES NAZI-SIONISTAS DE ISRAEL

Uma camiseta ostentando uma palestina grávida no alvo de uma mira e a inscrição "Um tiro duas mortes" em hebraico e inglês. Foi a imagem escolhida por snipers (atiradores de elite) da infantaria israelense. Outras camisetas exibem bebês mortos, mães chorando sobre os túmulos dos seus filhos, armas apontadas a crianças e mesquitas bombardeadas. Há uma loja em Tel Aviv especializada em imprimir as ditas camisetas e cada pelotão escolhe a imagem que vai usar. As atrocidades praticadas pela entidade nazi-sionista terrorista israelense já não são escondidas – são mesmo exibidas com um orgulho sanguinário próprio do nazi-imperialismo do estado de Israel.

(Postagem adaptada do originel em Resistir.info de Portugal)

Um comentário:

  1. Absurdo... Violencia legalizada e institucionalizada... Com aval da OTAN que atacaria uma país não amigo por menos da metade do que Israel está fazendo há décadas...

    ResponderExcluir