30 de junho de 2011

Marcha da Maconha, participe, É LEGAL ! Será no dia 2 de julho, 14 horas no MASP - Av. Paulista, São Paulo

Pela paz, participe da Marcha da Maconha
Sábado dia 2 de Julho de 2011 no MASP às 14h, venha fazer história, na primeira grande Marcha da Maconha após a decisão unânime e histórica do STF (Supremo Tribunal Federal) que definiu que a MARCHA DA MACONHA É LEGAL!

Leve cartazes, faixas, música e o que mais você achar legal trazer. Não esqueça de trazer um amigo ou uma amiga que não conhece a Marcha, aquele que acha isso tudo uma bobagem ou aquele que ainda não saiu do armário.

Não traga maconha, cannabis, ganja, ananda, liamba, verdinha, banza…
Ainda não é legalizado portar ou fumar cannabis. Por isso estamos nas ruas, pois a guerra contra às drogas fracassou e devemos propor mudanças na política de drogas.

Pela PAZ, venha Marchar conosco!


Dúvidas? http://www.marchadamaconha.org/

20 de junho de 2011

Charges do Latuff: Marcha das Vadias e Rede de Relações Livres


Charge genial do @CarlosLatuff sobre o estupro, o sr. Bispo de Guarulhos deveria ver o estado de vítimas de estupro antes de continuar a vomitar as asneiras que estúpido costuma falar ...

Charge do @CarlosLatuff sobre a Marcha das Vadias

Charge do @CarlosLatuff sobre a Marcha das Vadias

Charge do @CarlosLatuff sobre a Marcha das Vadias

Monogamia e propriedade privada - #Charge para Rede Relações Livres @relacoes_livres

Monogamia e propriedade privada - #Charge para Rede Relações Livres @relacoes_livres

18 de junho de 2011

#MarchaDaLiberdade é sucesso nacional ! Chega de conservadorismo, opressão e repressão, QUEREMOS LIBERDADE!

 Av. Paulista tomada pela #MARCHAdaLIBERDADE
Banda Joanah Darc e os Inquisitores na #MARCHAdaLIBERDADE

#MARCHAdaLIBERDADE - Campinas - S.Paulo

#MARCHAdaLIBERDADE - Manaus - AM
#MARCHAdaLIBERDADE - Porto Alegre - RS

#MARCHAdaLIBERDADE - Rio de Janeiro
#MARCHAdaLIBERDADE - São Paulo

#MARCHAdaLIBERDADE - Rio de Janeiro

#MARCHAdaLIBERDADE - Rio de Janeiro

#MARCHAdaLIBERDADE - São Paulo

#MARCHAdaLIBERDADE - São Paulo

#MARCHAdaLIBERDADE - São Paulo

#MARCHAdaLIBERDADE - São Paulo

#MARCHAdaLIBERDADE - São Paulo
#MARCHAdaLIBERDADE - São Paulo

#MARCHAdaLIBERDADE

17 de junho de 2011

#MarchaDaLiberdade é Sábado dia 18 de Junho!

Manifesto da #MarchaDaLiberdade e as M@RCHAS pelo Brasil Convite à liberdade

Prisões, tiros, bombas, estilhaços, assassinatos. Por todo o país, protestos legítimos estão sendo reprimidos com ataques violentos da força policial. Querem nos calar.

Avenida Paulista, 21 de maio de 2011: Marcha da Maconha. A história se repete. A tropa de choque, sob os olhos do governo e da mídia, avança sem piedade sobre manifestantes armados apenas com palavras e faixas. As imagens do massacre à liberdade de expressão, registradas por câmeras, corpos e corações, ecoaram na rede e nas ruas com um impacto de mil bombas de efeito moral, causando indignação e despertando as pessoas de um estado anestésico. O que governo algum poderia desejar estava acontecendo: o povo começou a se organizar. Desta vez, não baixaríamos a cabeça.
Sete dias depois, defensores das mais diversas causas, vítimas das mais diferentes injustiças, estavam de volta ao mesmo local para dar uma resposta à opressão. As ruas de São Paulo foram tomadas por 5 mil pessoas de todas as cores, crenças e bandeiras. Na Internet, uma multidão espalhava a mensagem como vírus pelas redes sociais. Naquele dia, o Brasil marchou unido por um mesmo ideal. Nascia ali a Marcha da Liberdade.
Não somos uma organização. Não somos um partido. Não somos virtuais. Somos REAIS. Uma rede feita por gente de carne e osso. Organizados de forma horizontal, autônoma, livre.
Temos poucas certezas. Muitos questionamentos. E uma crença: de que a Liberdade é uma obra em eterna construção. Acreditamos que a liberdade de expressão seja a base de todas as outras: de credo, de assembléia, de posições políticas, de orientação sexual, de ir e vir. De resistir. Nossa liberdade é contra a ordem enquanto a ordem for contra a liberdade.


Convocamos:
Todos aqueles que não se intimidam, e que insistem em não se calar diante da violência. Contamos com as pernas e braços dos que se movimentam, com as vozes dos que não consentem. Ligas, correntes, grupos de teatro, dança, coletivos, povos da floresta, grafiteiros, operários, hackers, feministas, bombeiros, maltrapilhos e afins. Associações de bairros, ONGs, partidos, anarcos, blocos, bandos e bandas. Todos os que condenam a impunidade, que não suportam a violência policial repressiva, o conservadorismo e o autoritarismo do judiciário e do Estado. Que reprime trabalhadores e intimida professores. Que definha o serviço público em benefício de interesses privados.
Ciclistas, lutem pelo fim do racismo. Negros, tragam uma bandeira de arco-íris. LGBTT, gritem pelas florestas. Ambientalistas, cantem. Artistas de rua, defendam o transporte público.
Pedestres, falem em nome dos animais. Vegetarianos, façam um churrasco diferenciado!
Nossas reivindicações não têm hierarquia. Todas as pautas se completam na perspectiva da luta por uma sociedade igualitária, por uma vida digna, de amor e respeito mútuos. Somos todos pedestres, motoristas, cadeirantes, catadores, estudantes, trabalhadores. Somos todos idosos, índios, travestis. Somos todos nordestinos, bolivianos, brasileiros, vira-latas.
E somos livres.
Você tem poder! Nossa maior arma é a conscientização. Faça um vídeo, divulgue nas suas redes sociais, arme sua intervenção, converse em casa, no almoço do trabalho, no intervalo da escola. Compartilhe suas propostas nas paredes, no seu blog, no seu mural. Reúna-se localmente, convoque seus amigos, erga suas bandeiras, vá às ruas.
Estamos diante de um momento histórico global. Pela primeira vez, temos chance real de conquistar a liberdade. O mundo está despertando. Levante-se do sofá e vá à luta. Vamos juntos construir o mundo que queremos!

Espalhe a rebelião. #marchadaliberdade #worldrevolution
Princípios do movimento:

- Liberdade de organização e expressão;

- Contra a repressão e a violência policial em qualquer âmbito da sociedade;

- Contra o conservadorismo que pauta o judiciário e o Estado.

Reivindicação geral:
- Regulamentação que proíba o uso de armamentos pela polícia em manifestações sociais.

Manifesto da #MarchadaLiberdade #

16 de junho de 2011

STF confirma: Marcha da Maconha é LEGAL. Se vc pensa que nóis fumos embora, ÓI NÓIS AQUI TRAVEIS...



Charge da Folha de São Paulo 16/06/2011
       Esta é sem dúvida nenhuma uma das postagens mais felizes que eu coloco neste humilde blog, uma das mais aguardadas, uma das mais comemoradas!
Já há algum tempo tenho comentado com camaradas sobre a certeza que havia entre os maconhistas de que se a Marcha fosse julgada no supremo, seria considerada legal e aí sim poderíamos levar o debate para as ruas, sem o risco de ser detidos por policiais sem escrúpulos mandados por juizes acima da lei ...
     As cenas de covardia da PM de São Paulo no dia 21 de maio de 2011 onde a Marcha da Maconha foi violenta e covardemente atacada pela tropa de choque é um fato que não sairá de minha memória mas, espero, não se repetirá.
          Os ministros da suprema corte da justiça brasileira, o  STF (Supremo Tribunal Federal) decidiram por unanimidade que a realização da Marcha da Maconha é LEGAL. Com o placar de 8 votos à ZERO, o Supremo decidiu que as manifestações a favor da Maconha podem ser feitas no país, sem necessidade de autorização de ninguém, além de não poderem sob qualquer justificativa serem reprimidas pela polícia, caso um, ou algum integrante da marcha cometa um ilícito, a força policial deve agir apenas em relação à estes indivíduos, sendo que a criminalização da marcha como um todo é crime, decidiu o Supremo Tribunal
      Para o Supremo, proibir a marcha é violar a liberdade de expressão e de reunião de pessoas, princípios básicos que diferenciam uma democracia de uma ditadura.
     Assisti o julgamento pela internet, me emocionei várias vezes, gritei, comemorei, e já estou me preparando para a próxima etapa da luta, pois esta continua, A Marcha da Maconha, agora de FATO da MACONHA, sairá às ruas de Sampa!
      Saudações aos que tiveram coragem de levantar esta bandeira nos obscuros tempos em que juizes mandam mais que a constituição, A Luta Segue!
     Aos fascistas, aos reacionários, aos fundamentalistas religiosos, aos gorilas e babacas que vibram com a repressão estúpida e a guerra aos pobres que o estado impõe, a toda esta gente que achou que não haveríamos de voltar, eis um recado:

Se você pensa que nóis fumos embora, nóis inganemo vocêis, fingimo que fumo mais vortemos, ÓI NÓIS AQUI TRAVEIS...

HAHAHA...


     Vos falou, um revigorado militante dos movimentos sociais animado para seguir na luta pela LEGALIZAÇÃO DA MACONHA, pela direto ao tranporte, à moradia, a comunicação, pela natureza, pela educação e sobretudo pela transformação da sociedade , pois  sempre soube que um outro mundo mais que possível, é urgente e necessário!

Serviço:

Marcha da Maconha
Dia 2 de Julho de 2011 - 14hs
MASP - Museu Arte de São Paulo "Assis Chateubriand"
Av. Paulista, 1578
São Paulo (São Paulo, Brasil)


Deu na mídia:

Blog do Coletivo DAR:
Liberdade ainda que tardia: DAR comenta a vitória de hoje no STF

Revista TRIP:
Marcha Regulamentada

Folha de São Paulo:
Por unanimidade, STF aprova a realização da Marcha da Maconha

Portal Yahoo:
STF: "marchas da maconha' podem ser organizadas

TV Globo:
STF aprova marcha da maconha no país

Portal R7:
Por unanimidade supremo libera a Marcha da Maconha
Ministros também consideraram ainda que polícia não pode agir com força em manifestações

Blog HEMPADÃO:
Adão e Erva: Baseado no Supremo – A Marcha da Maconha é Legal!

Blog do Sakamoto:
Marcha da Maconha: A gastrite dos intolerantes de plantão

Revista Carta Capital:
Unânime, STF libera a Marcha da Maconha

Jornal Diário de Cuiabá:
Supremo libera “marcha da maconha”

Revista IstoÉ:
Marcha da Maconha é Legal

Portal UOL:
STF decide que ato por legalização de drogas é liberdade de expressão e libera Marcha da Maconha

Jornal Diário do nordeste:
STF libera protestos no País

Jornal Diário Catarinense:
Juristas consideram decisão do STF de liberar Marcha da Maconha vitória da democracia

Portal Vermelho:
Marcha da Maconha: STF decidiu pela liberdade de expressão

A Gazeta de Sena:
Supremo legaliza Marcha da Maconha

Página do Supremo Tribunal Federal
Em decisão unânime está determinado que Marchas são legais

13 de junho de 2011

Coleta de depoimentos de quem sofreu violência policial em manifestações e/ou movimentos sociais


No dia 30/06, das 10 às 13h, haverá uma audiência pública na Assembléia Legislativa de São Paulo sobre a proibição do uso de armamentos pela polícia em manifestações sociais. 
Queremos pedir a regulamentação do uso das chamadas “armas menos letais” e o seu depoimento é fundamental para isso. Vamos mostrar que essas armas possuem efeitos letais, podendo provocar intoxicações, mutilações e até mortes.
Estamos colhendo depoimentos de pessoas que foram atingidas por esse tipo de armamento(spray de pimenta, bala de borracha, bomba de gás lacrimogêneo ou cassetete).

Os depoimentos gravados serão transmitidos; os depoimentos escritos, lidos; e aqueles que puderem comparecer, darão seu depoimento ao vivo. A presença de todos é muito importante! Compartilhe! Participe!
Mande seu relato para o email armasmenosletais@riseup.net
Se você tiver vídeos ou fotos de momentos de agressão e marcas da violência policial, envie-nos.
Para enviar seu depoimento, basta nos informar:
1-   Nome completo
2-   Idade
3-   Profissão
4-   Movimento/organização
5-   Breve descrição de quando foi ferido e/ou atingido por armas menos letais (quando, onde, qual arma, que tipo de ferimentos teve, que tipo de conseqüência acarretou em sua vida cotidiana)
6-  Tem disposição para estar presente na audiência pública do próximo dia 30/06/2011?
7-   Podemos disponibilizar na internet sua declaração?
8-   Podemos filmar seu depoimento?
9-   Contato

Se você nunca sofreu violência policial, mas discorda dessa prática, participe!
Ajude-nos a divulgar.
Esta iniciativa conta com o apoio do grupo Tortura Nunca Mais de São Paulo, da Associação dos Juízes para a Democracia, da Comissão Justiça e Paz de São Paulo, do Coletivo Desentorpecendo A Razão e da Marcha da Liberdade.
Caso você possa filmar o seu próprio depoimento, envie-o para armasmenosletais@gmail.com
Mais informações

Ciclo de debates "Que História é essa? Ditadura Civil-Militar no Brasil" na UNIFESP - Universidade Federal de São Paulo

O Centro Acadêmico de História da Unifesp, está organizando um Ciclo de Debates chamado Que História é essa?

Esse ciclo buscará abordar temas como Ditadura; Questão Agrária e Urbana; Opressões de Gênero; América Latina; e Racismo. E, apesar do nome, é direcionado ao público em geral.
Portanto, gostaríamos de convidar a todos e todas para presenciar e participar desses espaços, ajudando a enriquecer o debate que está na pauta da política atual do país.
E, por fim, contamos com o apoio de vocês na divulgação para que o máximo de interessados possam se apropriar do assunto.

Para o mês de Junho – dias 14, 15 e 16 – reservamos o tema
Ditadura Civil-Militar no Brasil
Dia 14/06 – A Ditadura na História
Debate que deve fazer um breve balanço do que foi a ditadura, o contexto de ditaduras na américa latina, as continuidades, aparelhos de repressão, etc

Dia 15/06 – Ditadura nos Arquivos
Esse espaço buscará tratar a respeito da necessidade da Abertura dos Arquivos, possibilidades e necessidades de uso e Gestão documental.

Dia 16/06 – Ditadura como disputa de memória
Aqui pretende-se trazer à tona o debate na atualidade sobre a questão, a criação da Comissão da Verdade, PNDH3, além dos diversos interesses em jogo.

Confirmados até agora, temos o José Arbex Jr. (PUC), a Rafaela Leuchtenberger (Coordenadora do Acervo Deops, no Arquivo do Estado), o Edson Teles (UNIFESP), além da participação do Ivan Seixas e de outros membros do Fórum de ex-presos políticos e do Tortura Nunca Mais.
Os debates acontecerão às 18h00 na sala 01 do campus.

Saiba Mais no Blog do CAHIS da UNIFESP: CLIQUE AQUI ou cole no seu navegador o seguinte URL: http://cahisunifesp.wordpress.com/

GCMs são presos suspeitos de espancar jovens em Guarulhos, na Grande São Paulo

A polícia deteve, na noite deste sábado, guardas civis metropolitanos suspeitos de terem espancado um jovem menor de idade. O caso aconteceu em Guarulhos, na Grande São Paulo.

A prisão aconteceu por volta das 18h na praça Antoneli. Segundo o delegado que investiga o caso, um homem e seus três filhos menores de idade foram agredidos pelos agentes após uma discussão.

O caso foi registrado no 2º Distrito Policial de Guarulhos.

Redatora: Bárbara Forte

Original no E-Band: CLIQUE AQUI

10 de junho de 2011

Festa do Rosas com Espinhos e Comitê de Luta pelo Transporte Público

A Festa será dia 10/06/11 no CA da UNIFESP Guarulhos

Para saber mais sobre o Comitê de Luta pelo Transporte Público acesse:

Para saber mais sobre o "Rosas com Espinhos" - Movimento popular pela emancipação da mulher trabalhadora, acesse:

7 de junho de 2011

Dia 18 de Junho tem #MarchaDaLiberdade Nacional

      Revoltado com a violência policial que esta assolando o Brasil; indignado com os fascismo que toma conta das elites e de grupos acéfalos no seio da sociedade e que oprime e mata os que pensam diferente sejam mulheres, homens, ou homossexuais, a violência que exclui deficientes,  e se esforça em diminuir por simples diferenças? Revoltado com os assassinatos no campo, com o desmatamento desenfreado e com o descaso dos senhores milionários que em Brasília esfolam o erário nacional?

http://www.marchadaliberdade.org

Então seu lugar é na Marcha da Liberdade!

Pelo direito a diversidade, pelo direito à liberdade de expressão, pelo direito de defender idéias, pelo direito de greve, seja para os bombeiros, seja para todos os trabalhadores e trabalhadoras, pelo direito de lutar contra o crime organizado, da liberdade religiosa, incluisive a de não se ter religião, pelo direito fundamental de lutar por uma sociedade justa!

Dia 18/06/2011 - um dia  que vai entrar para a história!

A marcha pelo Brasil

Veja lista de eventos no Facebook e participe da mobilização!
Acre –  Rio Branco
http://on.fb.me/kiMWuN
Alagoas – Maceió
http://on.fb.me/kukY7g
Amapá – Macapá
http://on.fb.me/mwVESx
Amazonas – Manaus
http://on.fb.me/k3QmEf
Bahia – Salvador
http://on.fb.me/mJhPMT
Ceará – Fortaleza
http://on.fb.me/lk5IL6
Distrito Federal – Brasília
http://on.fb.me/lTeuH9
Espírito Santo – Vitória
http://on.fb.me/jTAfrb
Goiás – Goiânia
http://on.fb.me/l257gO
Maranhão – São Luís
http://on.fb.me/jqYfbt
Mato Grosso – Cuiabá
http://on.fb.me/mrIN67
Mato Grosso do Sul – Campo Grande
http://on.fb.me/iMM0jK
Minas Gerais – Belo Horizonte
http://on.fb.me/jHv4sd
Minas Gerais – Uberlândia
http://on.fb.me/jQBHS1
Pará – Belém
http://on.fb.me/mgqAMv
Paraíba – João Pessoa
http://on.fb.me/keLFbm
Paraná – Curitiba
http://on.fb.me/kASUcn
Pernambuco – Recife
http://on.fb.me/iUicf9
Piauí – Teresina
http://on.fb.me/j9t8yZ
Rio de Janeiro – Niterói
http://on.fb.me/ltZgzx
Rio de Janeiro – Rio de Janeiro
http://on.fb.me/ju2nfC
Rio Grande do Norte – Natal
http://on.fb.me/mCKmPf
Rio Grande do Sul – Porto Alegre
http://on.fb.me/liQh6Q
Rondônia – Porto Velho
http://on.fb.me/iSHSLW
Roraima – Boa Vista
http://on.fb.me/iYwbnv
Santa Catarina – Florianópolis
http://on.fb.me/lCaRCM
São Paulo – Bauru
http://on.fb.me/lKS535
São Paulo – Jundiaí
http://on.fb.me/l2Dp1d
São Paulo – Santos
http://on.fb.me/j1Om65
São Paulo – São Paulo
http://on.fb.me/krOzF4
Sergipe – Aracaju
http://on.fb.me/iXvXST
Tocantins – Palmas
http://on.fb.me/lxn4SQ

6 de junho de 2011

Charge sobre a Covardia do Governador e do BOPE contra os Bombeiros do Rio de Janeiro

Charge do Cartunista Latuff sobre a Covardia do governador Sérgio Cabral que
mandou os assassinos da tropa de exterminio invadir o batalhão dos Bombeiros!

3 de junho de 2011

I Encontro de Blogueiros e Redes Sociais do Alto Tietê

Amanhã estarei no 1° Encontro de Blogueiros e Redes Sociais do Alto Tietê.
Em seguida, postarei aqui como foi o encontro que deverá acontecer na cidade de Poá.


O Encontro é aberto a blogueiros, twitteiros, usuários de redes sociais da internet e internautas em geral, interessados no debate sobre a democratização da comunicação.

Durante o encontro, serão debatidos temas como Plano Nacional de Banda Larga, novo marco regulatório para a comunicação no país e AI-5 Digital. Além dos debates, haverá oficinas e a aprovação de um documento dos blogueiros e twitteiros.
Entre os nomes confirmados estão o jornalista Paulo Henrique Amorim (Rede Record de Televisão), Leonardo Sakamoto (presidente da ONG Repórter Brasil), Eduardo Guimarães (presidente do Movimento dos Sem-Mídia, editor do Blog da Cidadania), Ale Rocha (Yahoo Brasil), Ana Maria Magni Coelho (SEBRAE-SP) e o deputado Federal Ivan Valente do PSOL de São Paulo.
Para mais informações acesse: http://www.blogsdoaltotiete.blogspot.com/