25 de janeiro de 2013

Sentindo o CAOS da "saúde" de Guarulhos na pele


 Hoje pela manhã fui até o posto de saúde mais próximo de casa, para me cadastrar e poder ser atendido naquela unidade, que segundo a Secretaria de Saúde de Guarulhos, é onde eu devo buscar atendimento, eu já havia ido até lá em dezembro, porém, fui informado que em função das festas de fim de ano, não seria possível realizar meu cadastro naquela unidade (eu estava com o cartão nacional do SUS, demais documentos e cadastro on-line da Sec. De saúde em ordem), fui orientado a voltar lá em Janeiro.
     Certo, passado alguns dias que retornei da viagem que fiz até Tupã, retornei ao mesmo posto, novamente fui informado que não seria possível ser atendido, pois eu não possui cadastro e deveria retornar na sexta-feira, beleza, pensei, e retornei hoje – sexta-feira, 25 de janeiro de 2013 – lá novamente fui informado que não poderia ser atendido pois o cadastramento só é feito na PRIMEIRA sexta feira do mês, acreditem um dia por mês, apenas isso! O pior de tudo é que na próxima “primeira sexta feira do mês”, eu não vou estar na cidade, estarei viajando para realizar uma prova de concurso público em outro município, logo, só poderei realizar o cadastro em Março! Se nada de novo acontecer...
      Aproveitando que estava lá, eu para não perder cem por cento da “visita” àquela “unidade de Saúde” me informei sobre as filas de espera, no meu caso tenho que passar com um ortopedista, então fiquei sabendo que lá NÃO HÁ ORTOPEDISTA, e eu porém, só posso ser atendido naquela unidade, salvo em casos de emergência, fiquei sabendo que o procedimento que deverei fazer será mais ou menos o seguinte, segundo informações das próprias atendentes do posto de saúde da prefeitura de Guarulhos:
     Na primeira sexta feira de março devo me cadastrar.
   Na segunda-feira seguinte eu devo voltar ao posto para agendar uma consulta com um clínico. (esta consulta deve demorar entre 2 e 3 meses)
    Então, em junho (aproximadamente) eu vou ser atendido, se tudo der certo, por um clínico geral, este deve me “encaminhar” para uma fila de espera on-line da Secretaria de Saúde de Guarulhos, para ser atendido por um ortopedista em outra unidade. ( fila de cerca de 6 meses, segundo informação das funcionárias)
    Assim em DEZEMBRO de 2013 eu devo fnalmente conseguir ser atendido por um ortopedista, que deverá me encaminhar para atendimento especializado. (nescessito de cirurgia de escafoide, minha perna esquerda é amputada e tenho duas hérnias de disco na coluna) 
     Este atendimento especializado demora muito então eu acredito que até as olimpíadas de 2016, é possível que eu seja atendido.
     Agora, fico cá eu pensando, que diabos o Sr, Almeida anda fazendo com a fortuna que recebe de IPTU e de todas as outras receitas da segunda cidade mais rica do estado mais rico do Brasil? Mesmo pagando a campanha milionária do PT e distribuindo cargos para “amigos”, será que não sobra nada pra investir em saúde? Não deve sobrar mesmo, segundo manchete do Jornal “Folha Metropolitana” desta semana os diabéticos de Guarulhos estão sem receber insulina! E a pronta atitude do secretário foi jogar a culpa em outra pessoa...

Sidinei Roberto Nobre Júnior
Servidor Municipal (Secretaria de Educação) afastado pelo INSS desde 2009 em função da TOTAL incapacidade da prefeitura municipal "administrada" pelo Sr. Sebastião Almeida do PT em atender minimamente as necessidades da população na saúde... 
e no transporte, na assistência social, na educação, na moradia...

Nenhum comentário:

Postar um comentário